SAN ANDRÉS

Pensando em ir para San Andrés? Aqui está um guia completo com informações sobre essa pequena ilha da Colômbia.  Antes de tudo, é importante que você saiba dessas informações para poder viajar:

  • Não é obrigatório ter passaporte para ir para San Andrés (mas se você tiver, leve-o) e o documento mais indicado é a carteira de identidade;
  • Levamos dólar e fizemos o câmbio para pesos colombianos no aeroporto de Bogotá. Na ilha você também pode trocar seu dinheiro;
  • Para entrar na ilha de San Andrés você precisa comprar no aeroporto a TARJETA DE TURISMO, que custa 49mil pesos colombianos (no aeroporto de Bogotá). Essa tarjeta é a sua garantia de entrada na ilha e você não deve perdê-la, pois vai precisar dela para poder ir embora (nós compramos a nossa no balcão da Avianca);
  • Ao chegar na ilha (ou sempre que precisar do serviço), combine o preço do táxi antes de entrar no carro;
  • A primeira coisa que você deve comprar em San Andrés é um kit snorkel (máscara e respirador) e um par de sapatos de neoprene (protegem seus pés das pedras e corais). Ambos são vendidos em praticamente todas as lojas da ilha;
  • Se você for viajar para a ilha de Providência, leve a tarjeta de turismo;
  • É uma dica de mãe, mas vale a pena falar: o aeroporto grande de Bogotá é frio, então não esqueça de levar casaco.

Para navegar mais fácil pelo post e procurar pelo que você realmente quer saber, é só clicar em uma das categorias abaixo!

A ILHA

San Andrés é um lugar especial e muito diferente daquilo que podemos imaginar quando vemos fotos e vídeos na internet. O primeiro contato que tivemos com a ilha foi quando saímos do aeroporto e confesso que o susto foi grande. San Andrés é um local mais pobre e não tem o luxo que as ilhas mais conhecidas do Caribe têm, então meu primeiro pensamento quando vi casas muito simples, bagunça e lixo no chão foi “onde eu vim parar?!” (imagino que essa pergunta passe pela cabeça de muita gente que chega por aqui). No dia seguinte, fomos passear no centro e aí entendemos que a ilha é assim mesmo e que não tem nada de errado, nem com o que se preocupar.

A ilha é realmente simples, as pessoas são simples e os lugares não têm muito luxo. Não pense que você verá muitos carros caríssimos nas ruas, nem grandes construções – até os hotéis mais caros têm construções modestas. Como você deve saber, é possível dar a volta na ilha e esteja preparado para ver de tudo um pouco: cavalos, cachorros, cobras, lagartos, muito lixo na beira das estradas (esse é um grande defeito daqui, as pessoas – tanto moradores, como turistas – não se preocupam em cuidar do lixo) e muitas obras (as estradas estão ficando ótimas com as melhorias).

E a segurança? A segurança é ótima. Sempre há policiais nas ruas e na volta a ilha é o que você mais vê. Nos sentimos muito seguros, sempre andando com câmera e celular à mostra. O turismo é o que sustenta San Andrés, por isso o pessoal costuma respeitar muito. Contudo, você sempre deve ter um pouco de cuidado – a ilha é cheia de turistas e você nunca sabe o que esperar deles.

Em resumo, San Andrés tem seus defeitos (como qualquer lugar), mas suas qualidades superam infinitamente e fazem dessa ilha um dos melhores lugares do mundo para passar férias e relaxar. A beleza natural, a simpatia das pessoas, a cultura diferente, as comidas maravilhosas.. San Andrés é um paraíso!

AS PESSOAS

Acho importante falar sobre isso, porque para mim um bom atendimento é essencial. Em San Andrés, você será bem atendimento em 99% dos lugares, sejam lojas ou restaurantes. O pessoal te atende bem, com sorriso no rosto e muita simpatia (principalmente no SUBWAY, o atendimento do Carlos é sensacional!). São todos muito dispostos a ajudar e tirar todas as dúvidas. É claro que sempre haverá quem não esteja de bom humor no dia, então a simpatia fica de lado, mas ainda assim o atendimento é eficiente. Há lojas em que os vendedores te tratam bem (as de eletrônicos, principalmente) enquanto você demonstra interesse, mas quando você diz que vai dar mais uma volta para pesquisar preços melhores, ele se vira e nem te dá tchau. Se você pede informação na rua, sempre vão te ajudar (seja com ou sem simpatia).

A LÍNGUA

A língua que mais ouvimos é o espanhol, mas há lojas e restaurantes em que você pode falar inglês também. Quando você ouvir os moradores da ilha conversando entre si, não se preocupe, você não está louco, a língua que eles falam é realmente impossível de entender. O CREOLE é uma língua antiga, que foi criada pelos escravos na época da colonização, para que eles pudessem conversar sem que os senhores entendessem. Indico que você tente falar sempre em espanhol, porque nem sempre é possível entender o inglês que eles falam.

COMPRAS

Esse lugar é um PARAÍSO para comprar. Tem absolutamente tudo! Roupas, sapatos, acessórios, elétricos, eletrônicos, cosméticos, perfumes, comidas, bebidas… e por aí vai. O centro da cidade (que é o melhor lugar para se hospedar e comprar) tem lojas para todos os lados, é uma loucura (eu pirei!).

Para as mulheres: as melhores lojas de cosméticos são La Riviera, La Perfumerie, BeverlyHills, Madeira (essa loja é tipo uma farmácia gigante e tem de tudo, muita maquiagem – Revlon, L’oréal, Real Techniques, Bourjois – e produtos para cabelos) e JR.  Existem muitas outras, contudo, essas são as mais confiáveis. Aqui se vende muita coisa falsificada e é preciso prestar atenção. A La Riviera é a maior rede de lojas de cosméticos de San Andrés – em cada lugar que você olhar, vai encontrar uma – e tudo lá é original (o mesmo serve para a La Perfumerie). Já na BeverlyHills é um pouco diferente: os produtos que ficam atrás do balcão são os produtos originais e os produtos que ficam ao seu alcance são os “produtos alternativos”, de marcas mais baratas e imitações (isso é padrão de outras grandes lojas daqui).

Quanto às roupas e sapatos: ou são muito baratos e não têm boa qualidade ou são muito bons e caros. A loja PRESIDENT vende grandes marcas como Lacoste e Tommy (todas nesse estilo), mas nada de roupas estilo Forever 21 ou outras Fast Fashion. Existem lojas menores e é sempre possível garimpar produtos diferentes, é só ter tempo e paciência para procurar.

Marcas:

Na loja La Riviera (maquiagem) – MAC Cosmetics, Dior, Chanel, Estee Lauder, Clinique, Yves Saint Laurent, Lancome, Elizabeth Arden, Bourjois, L’oréal, Shiseido e outras.

Na loja La Riviera (cosméticos) – Clarins, Biotherm, OPI, Essie, GlamGlow, Shiseido, Dior, Clinique, Elizabeth Arden e outras.

As melhores marcas de perfumes você vai encontrar na La Riviera.

Nas demais lojas, as marcas se repetem muito (a loja La Riviera é que a tem a maior variedade de marcas e produtos). Em lojas menores você vai encontrar marcas como Silicon Mix, Crece Pelo, Baba de Caracol, OGX, Conair, St. Ives, Got2b, Tresemmé, Pantene e uma infinidade de marcas desconhecidas.

Um dos lugares mais legais para comprar artesanatos e peças produzidas na região, é uma feirinha que fica em frente ao restaurante La Regata. Não comprem nada dos vendedores da praia e nem nas lojinhas antes de passar nesse lugar. Eles têm uma variedade incrível de cangas, vestidos, chapéus, colares e lembrancinhas por um preço MUITO melhor!

*MUITO cuidado quando for comprar produtos da marca VICTORIA’S SECRET: muitas lojas expõem nas vitrines produtos com embalagens iguais aos da marca, mas não são originais!

Para os homens: para vocês a diversão também está garantida! Na loja de eletrônicos da La Riviera você vai encontrar produtos da Apple (MacBook, iPad, iPod, exceto iPhone), Playstation (e jogos), Nintendo, GoPro, drones, acessórios e muito mais. Aqui existem muitas lojas de eletrônicos que vendem celulares e acessórios para computador. As lojas de roupas e sapatos para vocês têm melhores opções do que as lojas para mulheres (confiram a loja PRESIDENT, pois lá tem roupas e sapatos com preços incríveis).

  • Sim, lá você encontra produtos originais da Apple, GoPro, Canon, Nykon, Sony e Playstation. O preço nem sempre compensa (principalmente com o valor atual do dólar), mas os produtos estão à sua disposição.
  • Encontramos muitos acessórios para GoPro, exceto a bateria extra – que parecia estar em falta em todas as lojas.
  • O iPhone você consegue encontrar em algumas lojas, mas o preço não está compensando e é preciso verificar bem para garantir que o produto é original.
  • Sempre peça desconto! O valor da sua compra pode mudar muito dependendo da forma de pagamento (tarjeta – cartão / efectivo – dinheiro).

BEBIDAS – as bebidas valem muito a pena! São baratas e você vai encontrar uma variedade imensa de produtos. Claro, sempre confira se os produtos são originais (pelo estilo da loja você já vai saber se os produtos são verdadeiros ou não). Muitas vodcas, whiskeys, vinhos, espumantes e por aí vai.

*Em 99% das lojas de cosméticos você vai encontrar Pringles, M&M’s e bebidas.

RESTAURANTES

A comida é do que mais sentiremos falta. Em todos os restaurantes que fomos, fomos bem atendidos e comemos bem demais. Os pratos são bem servidos e vale a pena dividir (economizamos muito dinheiro pedido apenas um prato e dividindo para nós dois – e sempre saímos com a barriga bem cheia!).

La Regata – é o restaurante mais top da ilha. O lugar é incrível, desde a entrada até a apresentação dos pratos. A especialidade deles são os frutos do mar. Como está sempre lotado, é importante que você faça reserva um dia antes (seja por telefone ou presencialmente). Os pratos são mais caros, mas são deliciosos e qualquer um que você escolher vai te fazer feliz! Um Casal consegue jantar por +- 50 mil pesos, comendo pouquinho, ou por 300 mil pesos aproveitando muito!Foto 21-02-15 00 04 23

Mis Celia – restaurante pra levar no coração! Ambiente mais simples, mas o atendimento é excepcional e a comida nem se fala. Os pratos são muito bem servidos e a especialidade deles são os frutos do mar e o Rondon, prato típico da ilha. Nesse restaurante você não vai gastar muito e vale a pena almoçar e jantar. Ah, e lá tem um COCO LOCO (bebida típica da ilha) que derruba qualquer um, mesmo o mais forte – ele é feito com dois tipos de whiskey, vodca, run e cachaça. Vale a pena conhecer! Em nossa primeira parada nesse restaurante, comemos: RONDON + CAMARÃO EMPANADO E ACOMPANHAMENTOS + SUCO + REFRI e gastamos 71.500 pesos.

Mister Panino – especializado em comida italiana, tem pratos incríveis e um preço bem justo. Se você gosta de camarão, peça a massa com camarão que não tem erro! Nesse restaurante você também pode pedir apenas um prato para duas pessoas.

Foto 20-02-15 15 07 22Gourmet Shop –  A decoração e o ambiente são incríveis e a comida é deliciosa. Lá você vai encontrar um cardápio com uma grande variedade de pratos e bebidas. Eles servem desde massas, frutos do mar, até carnes e costelas banhadas no molho barbecue que você come com luvas (experiência incrível).

CaféCafé – é quase um Outback. A decoração tem tudo a ver com os pratos que eles servem: pizzas, massas, hamburgueres, frutos do mar e mais. É um restaurante bem americanizado e a comida é maravilhosa!

El Rincon de La Langosta – restaurante na beira do mar e comida deliciosa. Esse fica longe do centro, é um dos primeiros restaurantes que você vai ver quando estiver dando a volta na ilha. Se quiserem uma dica de prato, a Paella de frutos do mar é INCRÍVEL (e suficiente para duas pessoas).

Subway – esse é igual em qualquer lugar do mundo, né?! Mas aqui o Subway não tem a opção de frango com cream cheese, mas sim a opção de mariscos. O melhor do Subway é o atendimento! O Carlos vai te atender com um super sorriso e conversando em português. É só falar que você é do Brasil que a conversa tá garantida!

Presto – é o MC Donalds de San Andrés. Hamburguers deliciosos acompanhados de uma batata frita muito boa! O preço é justo para o tamanho da porção e qualidade dos lanches.

Beer Station – outro restaurante com estilo americano. O Beer Station fica na beira do mar, tem uma decoração incrível e a comida é deliciosa. Lá eles têm lanches, hamburguers, cachorro quente, porções com carne, frango, salsicha e batatas ou porções de frutos do mar. Além de muitas bebidas. Algumas das porções também podem ser divididas entre duas pessoas e o preço fica bem justo.Foto 27-02-15 21 11 53Juan Valdez Café – é o Starbucks de San Andrés, só que muito melhor! A Colômbia é conhecido por ter os melhores cafés do mundo. Além disso, o atendimento é muito bom! Vale a pena pedir o Moccachip Nevado, bem docinho e gelado.

The Grog – Parada obrigatória em Rocky Cay, o The Grog é um restaurante pequeno e simples, mas que tem as comidas mais maravilhosas do mundo. Qualquer coisa que você pedir é felicidade certa! De todos os restaurantes da ilha, é o que mais indicamos. E se quiserem dicas do que comer lá: fruta pan com molho (salsa) tártaro, arroz com camarões (super temperado e cheio de camarões gigantes) e camarões empanados no coco. Gente… é sensacional! Lá você pode relaxar, sentado numa sombra ou no sol, com o pé na areia, comendo comidas deliciosas por um preço justíssimo.Foto 25-02-15 17 13 00

MEIOS DE TRANSPORTE

O principal meio de transporte dos moradores de San Andrés são as motos. E preciso dizer: é assustador vê-los pilotando. Primeiro que eles andam super rápido, segundo que não usam capacete (salvo raríssimas exceções), terceiro que até crianças (14, 15 anos) pilotam e quarto que vai até 4 ou 5 pessoas em uma moto (tipo Biz), sem nenhuma proteção. Dá medo e um pouco de agonia. Vimos dois acidentes (leves) enquanto estávamos na ilha.

Para você se locomover pela ilha existem algumas opções: moto, carro, carrinho de golf, mulitas (essas opções você aluga) e ônibus (transporte público – custa em torno de 1500 pesos). Os turistas sempre optam mais por moto, carrinho de golf e mulitas, porque eles dão mais liberdade para explorar a ilha sem se preocupar e tem um preço justo. O único problema é que são abertas e não é recomendado deixar nada em cima enquanto não se está por perto.

Como funciona o aluguel? Em alguns casos, o próprio hotel tem os transportes para disponibilizar, aí é só você ver qual é o melhor para você e que tem o preço mais justo. Quando o hotel não disponibiliza, ele pode pedir que tragam o transporte até você ou então você mesmo vai em um local de aluguel de transportes.

Nós optamos pelo carrinho de golf para dar a volta na ilha e, confesso, deveríamos ter escolhido uma mulita. Qual a diferença entre eles? Bom, o carrinho de golf é, literalmente, um carrinho de golf e vai MUITO devagar, no máximo a 30km/h, então você leva muito tempo para chegar nos lugares e todo mundo te ultrapassa. As mulitas se parecem com os carrinhos de golf, só que são maiores e muito mais potentes e velozes. Claro que os carrinhos de golf são mais baratos, pagamos 60 mil pesos para 3 horas e 80 mil pesos para o dia inteiro (das 9h às 18h), mas aqui tudo é negociável. As mulitas são quase o dobro do preço.

Se você quiser ter a experiência de andar em um conversível ou em uma Hummer, é só procurar pelo Papo, ele que vai disponibilizar os carros para você (o pessoal dos hotéis deve conhecê-lo, então peça para que liguem pra ele e ele vai até o hotel conversar e explicar como funciona) e o preço é sempre negociável.10835336_861332623924749_464157109542023555_o

PASSEIOS

San Andrés é uma ilha incrível e tem muitas possibilidades de passeios e locais para mergulho e snorkel.

Na volta ao redor da ilha, você pode conhecer:

CASA MUSEO – é uma casa antiga, com móveis, decoração e objetos da época da colonização, onde uma guia muito legal e divertida vai te contar toda a história de San Andrés, além de explicar sobre a língua deles (o CREOLE). Vale muito a pena se você gosta de conhecer a história do local que está visitando. 8mil pesos/pessoa

CUEVA DE MORGAN – é a tentativa de mostrar uma caverna de um pirata (eu acho que é isso). Não vale a pena conhecer, porque realmente não tem nada demais. Contudo, se você tiver tempo sobrando e quiser fazer tudo o que a ilha oferece, pare lá. 15mil pesos/pessoa

WEST VIEW – um dos meus lugares favoritos! É parada obrigatória e diversão garantida. É um lugar onde você pode fazer snorkel, ver muitos peixes, descer num tobogã muito radical e pular de um trampolim sensacional. Tem restaurante, aluguel de snorkel e você pode guardar sua mochila com a moça do bar (ela não cobra nada, mas sempre demos uma gorjeta, porque ela é muito querida e prestativa). Quando você entra, eles te dão alguns pedaços de pão para você alimentar os peixes. 4mil pesos/pessoaG0060589LA PISCINITA – é muito parecida com West View, só que é mais vazio, tranquilo e não tem trampolim. É um pedaço de mar mais profundo, com visibilidade maravilhosa onde você literalmente nada junto com os peixes. 4mil pesos/pessoa

HOYO SOPLADOR – uma das coisas mais engraçadas e divertidas que fizemos. De forma resumida: é um buraco no meio das pedras de onde sai muito ar e água. Vale a pena você parar só se o mar estiver agitado e mais forte, caso esteja calmo, nem pare lá, porque aí nada acontece. Você não precisa pagar nada pra entrar, mas os moradores do local insistem muito para que você compre alguma bebida deles (e eles não param de insistir até que você compre).

ROCKY CAY – esse lugar é incrível! Uma pequena ilha de pedra que você chega caminhando pelo mar (são alguns metros da praia até a ilha). O melhor desse lugar é a praia, mesmo. A ilha, em si, não tem nada demais. Fomos algumas vezes para Rocky Cay apenas para aproveitar a vista e ficarmos sentados a sombra de uma árvore, comendo delícias do restaurante The Grog. Para ter acesso a praia, você precisa entrar por algum restaurante e, por isso, sempre vai gastar alguma coisa. Mas vale a pena, porque lá é calmo e muito sossegado.

SAN LUIS – é a praia de San Andrés! Tem ondas maiores, o mar é um pouco mais agitado e tem uma faixa de areia para que você possa descansar.

IGREJA BAUTISTA – é a primeira igreja da ilha. Lá vão te contar um pouco da história da religião em San Andrés. Além disso, você pode subir até o topo da igreja e ter uma visão linda da ilha. Apesar de ser muito legal, a igreja não tem estrutura para receber turistas que querem subir até o topo, então tenha muito cuidado, pois a escada é um pouco perigosa e quando você está no topo não tem nada que possa te impedir de cair. 3mil pesos/pessoa

Passeios que você precisa ir de barco:

AQUARIO – esse passeio você pode fazer junto com o passeio da ilha de Johny Cay, de Haynes Cay ou com o passeio de Mantarrayas. O aquario é uma piscina no meio do mar, onde você vai ver muitos peixes. É super legal e bonito, vale a pena. O valor varia de acordo com o pacote que você faz, nós fizemos Mantarrayas + Aquario e nos custou 15mil pesos/pessoa.

MANTARRAYAS – uma “piscina” no meio do mar onde você vai ver muitas mantarrayas (inofensivas) e vai poder pegá-las para tirar foto. O guia do grupo sempre organiza essa função.

Existem outros passeios como Johny Cay e Cayo Bolivar, mas não fomos devido às condições climáticas.

Você também pode fazer mergulho (ou BUCEO, como eles chamam lá). Eu fiz com a empresa SHARKY DIVE e foi incrível, eles são impecáveis, muito atenciosos e pacientes. Como não tenho certificação, tivemos que fazer um mini curso antes de mergulhar e foi ótimo, aprendi coisas essenciais para mergulhar com segurança. Custou 150mil pesos e vale muito a pena!G0011139 (1)Outro passeio legal de fazer é o PARASAIL, o valor é 110mil pesos/pessoa! Essa aqui é a página da empresa que faz o passeio, vale a pena conferir. É uma experiência incrível!G0012602

O HOTEL

Ficamos no hotel Noblehouse, um hotel pequeno e simples, muito bem localizado (no centro da ilha, perto de tudo) e com um atendimento incrível. As instalações são ótimas, o quarto é limpo, o chuveiro funciona bem e o ar condicionado está sempre ligado. O café da manhã é ótimo!

Seguir:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *